quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Larimar


O Larimar é um tipo de Pectolite, descoberta na República Dominicana.

Exibe as cores azul claro, vermelho, verde e/ou branco.
Tem origem perto do Mar das Caraíbas pelo que captou a essência da água e do ar.

Estando a água relacionada com as emoções e o ar com os pensamentos, o Larimar faz a ponte entre as emoções e os pensamentos, trazendo harmonia entre o coração e a mente.

Ensina como acalmar emoções tais como a raiva, a cobiça e a frustração, transmutando-as em paz interior.

Representa Paz e Clareza, emitindo uma energia de Cura e Amor.

Dissolve sentimentos de “vitimização”, ajuda a eliminar medos e culpas.

Estimula a criatividade pelo que deve ser usada por músicos, escritores e outros artistas.
 Facilita estados de tranquilidade pelo que facilmente permite alcançar estados de meditação profunda.

A Pedra Larimar é a Pedra da Cura Terrena, faz a ligação com a energia da Deusa da Terra, ajuda as mulheres a trabalharem a sua feminilidade e estabelecer a sua ligação com a natureza.

Quando colocada na terra, neutraliza desequilíbrios energéticos da terra.

Sendo o azul a cor natural do chacra laríngeo, o Larimar pode ser usado em casos de laringites e de amigdalites.

Também pode ser usado para tratar as zonas de cartilagens do corpo, assim como cabelo e pés.

Boa pedra para ser usada em acupunctura para equilibrar a força vital dos meridianos do corpo.

Em qualquer parte do corpo, onde haja excesso de energia, pode colocar-se um Larimar pois ele suaviza e redistribui a força vital por outras áreas deficitárias.

Calmante e tranquilizante para adolescentes.

O Larimar é conhecido também como a Pedra dos Golfinhos, pois está ligada à energia dos golfinhos (inteligência intuitiva).


Curiosidade: Este cristal também é conhecido como mármore da Atlântida pois diz-se que as piscinas e fontes da Atlântida eram revestidas com esta pedra.